Sábado , 19 Agosto 2017
Últimas Publicações
Home / Social / Guaçuano destaca-se trabalhando com construção civil no Canadá

Guaçuano destaca-se trabalhando com construção civil no Canadá

Caio Cesar Brandino Amgarten, 26, mora há oito anos em Edmonton [Canadá]. Em abril último, o jovem esteve em Mogi Guaçu para rever os pais Claudio Estanislau Amgarten, 66, e Aparecida Brandino Amgarten, 58.

Sua família tem descendência suíça e os primeiros parentes que chegaram ao Brasil, instalaram-se na Colônia Helvétia, Indaiatuba.

Edmonton é a capital da Província de Alberta, segunda cidade mais populosa da província, atrás somente de Calgary. Também é a segunda capital provincial mais populosa do país, sendo superada por Toronto.

“Ela localiza-se próxima ao centro geográfico de Alberta. Edmonton possui uma população de mais de 800 mil cidadãos e mais de um milhão de pessoas em sua área metropolitana. É um grande centro industrial, onde destaca-se o processamento e refino de petróleo”, explica.

O guaçuano mudou-se para o Canadá em 2008 e especializou-se em leitura de plantas de construção civil.

“Trabalho como autônomo e consigo uma renda mensal de U$ 7 mil, cerca de R$ 20 mil. Recentemente, também consegui minha cidadania canadense”, conta.

No Canadá, Caio Amgarten divide o apartamento com outro brasileiro, pois optou por em não ter o próprio imóvel.

“Preferi comprar um apartamento aqui em Mogi Guaçu, que já está quitado com três anos de trabalho. Também pelo fato de querer voltar para o Brasil daqui alguns anos”, comenta.

Edmonton também é um centro cultural, governamental e educacional, local que são realizados vários eventos anuais de classe mundial, dando à cidade o cognome de ‘Festival City’. A cidade possui o maior Shopping Center da América do Norte, o West Edmonton Mall, e abriga também o maior parque histórico do país, o Fort Mc Kay.

O Fort Mac Kay é rico em reservas minerais como extração de óleo e diamantes. “Os índios locais recebem todos os royalties do óleo e diamante”, diz.

Diz também que seu trabalho atual está ligado à aldeia indígena. “Estamos desenvolvendo a estrutura de lazer para que os jovens índios não se envolvam com as drogas. O projeto prevê os centros de cultura, gastronomia, sala de jogos, uma rádio e academia”.

Além deste projeto profissional, Caio Amgarten trabalha com hospitais, escolas, obras do governo e empresas particulares.

Segundo ele, em outubro próximo deve retornar a Mogi Guaçu para o aniversário de sua mãe. “Agora, tenho condições de vir para cá mais vezes. Então, vou aproveitar ao máximo o meu tempo ao lado dos meus pais, familiares e amigos”, conclui Amgarten.

Caio1 - Trabalho
Amgarten especializou-se em leitura de plantas de construção civil
Caio2- Universidade
No momento, trabalha como responsável do layout da Universidade Grant McWean

Sobre Flávio Ribeiro

Graduado em Comunicação Social - Jornalismo pela Pucc - Campinas. Editor-Chefe e Repórter da Revista O Pólo - Agência ODBO, é o responsável pela checagem e produção das reportagens e artigos e, também, da edição final da revista. Exerceu a função de Assessor de Imprensa de Gestão Pública e trabalhou em meios de comunicação como o Jornal Gazeta Guaçuana, Jornal Cidade e estagiou na EPTV Campinas.

Confira Também

Esta é a sua oportunidade

No último post conversamos da importância da leitura e de investir em conhecimento. E durante ...

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *