Terça-feira , 12 Dezembro 2017
Últimas Publicações
Home / Variedades / Esporte / Guaçuano será condutor da tocha olímpica dos Jogos Rio-2016

Guaçuano será condutor da tocha olímpica dos Jogos Rio-2016

Ele participará do evento na próxima semana em Limeira

O professor de judô Antônio José da Silva, 46, será um dos condutores da tocha olímpica dos Jogos Rio-2016, na quarta-feira, 20 de julho, na passagem do ‘fogo simbólico’ das Olimpíadas pela cidade de Limeira. Antônio receberá a informação do horário e do percurso do trajeto no início da próxima semana.

“Estou bastante ansioso, por ser um entre milhões de brasileiros. Sei que tenho o privilégio em espalhar o espírito olímpico. Espero que no momento tudo ocorra bem e minha família e amigos estejam comigo”, diz.

Para ser um dos condutores da tocha olímpica, Silva que é judoca há 34 anos e faixa preta 2º Dan [Ni-Dan], foi indicado por 11 amigos para o programa ‘Revezamento da Tocha Olímpica – Bradesco’, que contaram a história de seu projeto voluntário de aulas de judô para mais de 300 alunos. “Para mim foi uma honra ser indicado e muito mais por ter sido escolhido”.

Conta que quando era criança um de seus maiores sonhos como atleta era fazer parte da seleção brasileira e participar de uma Olimpíada.

“Não atingi esse objetivo, mas hoje posso dizer que faço parte de uma equipe seleta de condutores que tem como obrigação espalhar o espírito olímpico e a paz entre os povos”.

A paixão pelo judô começou na infância quando sua mãe o levava para treinar. Se tornou atleta e como conquista mais importante da carreira cita o título de campeão regional. “Não sou mais atleta, somente professor [Sensei] e técnico”.

Diz que sempre gostou de Jogos Olímpicos. “Me inspirava no judoca Aurélio Miguel, campeão olímpico dos Jogos de Seul [Coréia do Sul], em 1988”.

Ele não irá aos Jogos Olímpicos Rio-2016, mas em sua opinião, as maiores chances de medalhas do país serão com os judocas brasileiros e os esportes coletivos. “Minha esperança é ver o Brasil conquistar as 14 medalhas de ouro no judô”.

Antônio conclui dizendo que “gostaria de agradecer a Deus por tudo que está acontecendo, a minha família que sempre está comigo”.

Sobre Flávio Ribeiro

Graduado em Comunicação Social - Jornalismo pela Pucc - Campinas. Editor-Chefe e Repórter da Revista O Pólo - Agência ODBO, é o responsável pela checagem e produção das reportagens e artigos e, também, da edição final da revista. Exerceu a função de Assessor de Imprensa de Gestão Pública e trabalhou em meios de comunicação como o Jornal Gazeta Guaçuana, Jornal Cidade e estagiou na EPTV Campinas.

Confira Também

Flavia Lima Morgon

O poder do diálogo

Há dezoito anos trabalhando como psicóloga, sempre penso sobre o significado e a importância de ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *