Domingo , 19 Novembro 2017
Últimas Publicações
Home / Cultura / Jornalista é premiado no Mapa Cultural

Jornalista é premiado no Mapa Cultural

 

Com a crônica “Descanse em Paz”, o jornalista Flávio Ribeiro foi um dos premiados na Mostra de Literatura da Fase Estadual do Mapa Cultural Paulista, realizada na Biblioteca Parque Villa Lobos. A expressão literatura engloba os estilos conto, crônica e poesia. Os trabalhos selecionados integrarão uma antologia.

De acordo com a organização do evento, nesta edição 2015/2016, mais de 600 obras literárias participaram deste programa que identifica e promove segmentos que não teriam acesso aos meios de comunicação e com pouca visibilidade no meio cultural.

O Mapa Cultural Paulista é um programa realizado pela Secretaria de Cultura do Governo do Estado de São Paulo e produzido pela Abaçaí Cultura e Arte.

Em todo o Estado foram seis selecionados de cada categoria, perfazendo 18 no total. Todos receberam o prêmio estímulo e também o troféu “Mapa Cultural Paulista”. Durante a solenidade na Biblioteca Parque Villa Lobos, atores realizam leituras das obras premiadas que também receberão destaque na antologia.

Todos os autores selecionados nas regiões administrativas farão parte da circulação, pois as antologias serão distribuídas em bibliotecas do interior do Estado. Além disso, cada selecionado receberá uma cota de 10 exemplares da antologia produzida pela Abaçaí Cultura e Arte.

O Mapa Cultural Paulista acontece desde 1995, e configurou-se como um dos mais importantes projetos culturais de São Paulo do ponto de vista formativo, informativo e de circulação de artistas do interior do Estado de São Paulo. Nenhum estado brasileiro possui projeto parecido, podendo tornar-se referência nacional.

LIVRO

Flávio conta que, como jornalista, escrever faz parte do trabalho, mas no caso das crônicas e contos é um ensaio para um livro. “É um projeto que tenho faz algum tempo e a escrita de contos e crônicas é um passo para chegar a este objetivo”, comenta.

Ele revela que foi a primeira vez que escreveu uma crônica. “Escrevi de um dia para o outro, relatando a história de um rapaz que havia saído da prisão e decide buscar um tesouro no cemitério”, detalha, afirmando que estava mais confiante na participação com o conto.

O jornalista recorda que escreveu muito rápido porque a inspiração veio fácil e ele se aproveitou.

A chegada das duas produções ao Mapa Cultural do Paulista se deu porque Flávio começou a pesquisar sobre concursos na área de literatura. “Estou muito feliz com este resultado porque não esperava, sinceramente”, comenta.

Flávio é formado em jornalismo pela Puc Campinas, já trabalhou na Gazeta e, atualmente, é diretor editorial da revista “O Polo”.

Cláudia Helena Silva Marquezi

claudia@gazetaguacuana.com.br

Sobre Otavio Bueno

Diretor de Comunicação das Empresas ODBO Design + Web e O POLO e Marketing Communications Specialist na ASTUS Medical. Graduado em Arquitetura e Urbanismo pela Unip – Swift e estudou Design Gráfico na instituição Arquitec - Escola de Arte e Design.

Confira Também

site01

Qualidade de vida: todo mundo quer, mas o que é?

A O Pólo progrediu com o compromisso de fomentar opiniões que transformem as atitudes de ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *