Quinta-feira , 19 Outubro 2017
Últimas Publicações
Home / Coluna da Fabi / Quem pode fazer atividade física em casa e quais as suas vantagens?

Quem pode fazer atividade física em casa e quais as suas vantagens?

Foto: Lucas Góis

Você já pensou em praticar atividade física em casa?

Pois é, a prática beneficia quem não tem tempo de frequentar aulas em academias, clubes e estúdios. São inúmeras as vantagens de quem adere esse tipo de treinamento.

Veja comigo.

Provavelmente, você deve estar pensando que os idosos são o público alvo para esse tipo de atendimento. Se você pensou isso, saiba que não está errado. Mas eles não são os únicos.

Muitas pessoas preferem fazer exercícios em casa devido à comodidade que a prática trás. Com o dia a dia corrido e cheio de compromissos, realizar exercícios em casa é uma maneira de economizar tempo e ganhar conforto.

E, eu não estou dizendo isso só para quem pratica atividade física depois do trabalho não. Muitas pessoas preferem se exercitar antes do trabalho ou na hora do almoço, mas não têm tempo para isto.

Com um atendimento domiciliar fica mais fácil conciliar os horários.

Analise comigo: uma pessoa que tem um filho pequeno pode fazer exercícios em casa logo de manhã enquanto a criança dorme ou mesmo fazê-los na hora do almoço, pois assim aproveita o tempo livre após o trabalho para cuidar do filho.

Se preferir o horário após o expediente consegue conciliar a brincadeira com o filho e a prática de atividade física. E, até mesmo, consegue convencer o marido a praticar junto ou vice-versa.

Não estou falando só de pessoas que trabalham e que não têm tempo. O público é ainda maior. Pensando ainda em quem tem criança pequena, existem muitas pessoas que não trabalham e não tem com quem deixá-la para ter aula.  Ter um professor que vá até a sua casa é uma maneira de voltar a se exercitar no período pós-parto sem ter que se preocupar com os cuidados com o bebê.

Mas o público é ainda maior. Sabe aquela pessoa que não gosta de praticar atividade física? Que qualquer coisa vira um empecilho para faltar às aulas? Talvez para ela, ter um professor que venha ao seu encontro é essencial para dar continuidade na prática. Falando de maneira mais clara, ela não terá desculpas para não treinar. Por isso, ‘os preguiçosos de plantão’ são excelentes candidatos a fazer aula em casa.

Não podemos esquecer os idosos, como disse anteriormente. Eles são a maioria quando o assunto é atendimento domiciliar. Quando a idade avança fica cada vez mais difícil sair de casa. E não estou falando só das dificuldades físicas.

Diversos idosos param de dirigir e dependem de alguém para levá-los, com o dia a dia corrido dos filhos, ter o compromisso de frequentar aulas em um lugar específico fica praticamente inviável. Sem contar que os benefícios da prática de exercícios nessa fase da vida são inúmeros, como por exemplo: mais autonomia, melhora na flexibilidade, ganho de massa muscular, força, agilidade, entre outras.

Sem contar que quando se treina em casa o aluno tem a vantagem de escolher a música que quer ouvir, o canal que prefere na televisão, entre outros benefícios como um ambiente mais tranquilo sem muito barulho.

Não precisa se preocupar com o deslocamento e nem com o estacionamento do carro. E ainda citando os exemplos acima, pode usar o horário da aula para juntar a família e ter um momento de descontração juntos.

Com tantas vantagens, fica praticamente impossível recusar experimentar um atendimento domiciliar.

Pense nisso!

Sobre Fabi Matos

Fabiana Nunes de Matos Bueno é graduada em Educação Física e trabalha como personal trainner ministrando aulas de pilates e funcional em seu estúdio.

Confira Também

foto-site

O homem do saco

– Fica aí na rua que o Homem do Saco vai te pegar! Era assim ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *