CidadeMercado

Sustentabilidade e Segurança

A Construção Civil tem como função contribuir para desenvolver o bem-estar da sociedade, preservando o meio ambiente, por meio de obras de infraestrutura e edificações. Com o crescimento do mercado imobiliário e aumento da demanda, visando segurança e qualidade de vida, a procura para morar em condomínios ou loteamentos fechados é grande e é preciso cada vez mais a especialização na área de administração de condomínios.

“Hoje, contratar uma administradora facilita a vida nos residenciais e edifícios e essa contratação gera economia”, explica a advogada Solange Machado e Silva, 52, proprietária da RE/MAX Companhia de Imóveis, da qual é diretora da área de administração de condomínios dentro da empresa, que pertence ao Grupo Somos Cia, que tem como sócio o advogado Luiz Carlos Thim, 62.

A RE/MAX Companhia de Imóveis está presente em todas as obras de construções civis verticais e horizontais da Baixa Mogiana, no tocante as inovações desta área. “Saber o que está passando-se em termos de novidades significa manter-se em dia com o mercado e atualizar-se no mundo das construções civis, que muda a cada dia”.

Solange Machado diz que trata-se de uma área influenciada por novas técnicas, processos e materiais e uma empresa de administração de condomínios deve manter-se modernizada. Por isso, o Grupo Somos Cia desenvolveu um sistema em virtude de sua longa experiência no ramo, o qual disponibiliza recursos de autoatendimento para os moradores.

“Isso permite, por exemplo, a emissão de boletos para pagamento de taxas e contas, acompanhamento de prestação de contas mensal e alteração cadastral a qualquer tempo”.

O sistema reúne em um único software, todos os esforços necessários para uma gestão adequada dos espaços em comum, assim como, das contas individuais.

“Disponibilizamos o acesso à prestação de contas do condomínio para os proprietários, estimulando a transparência na gestão, mantendo assim, um canal de comunicação direta entre o morador e o síndico. Desta forma, as reclamações podem ser realizadas remotamente, por meio de um site ou aplicativo de celular”.

 

“Procurando por segurança e qualidade de vida, a procura para morar em
condomínios ou loteamentos fechados é grande”

 

Sustentável

Os futuros projetos de Construção Civil que terão a parceria da RE/MAX Companhia de Imóveis tem como objetivo o foco sustentável que é uma tendência cada vez mais forte entre os condomínios comerciais e residenciais.

“Há possibilidades desde a implantação de medidas relativamente simples, como coleta seletiva de lixo ou reuso de água da chuva até a instalação de programas completos de sustentabilidade, com a ajuda de profissionais especializados”, diz a advogada.

Para que os gestores conheçam o conceito e evitar qualquer problema ou decepção na hora de implantar um projeto, a empresa faz todo o assessoramento, realizando um diagnóstico visando determinar o nível de sustentabilidade que o condomínio possui e o que pode ser feito para aumentá-lo, reduzindo custos e melhorando os ambientes.

“Cito alguns exemplos como a racionalização e controle no consumo de água, qualidade do ar no interior [controle do tabaco e proibição de fumo nas áreas internas], utilização de torneiras e válvulas de descargas eficientes, implantação de paisagismo com baixas necessidades hídricas e irrigação controlada”.

De acordo com ela, cabe a administradora fazer a indicação aos síndicos/presidentes e, em caso de aprovação, realizar o estudo para implantação das propostas em virtude do seu custo, com contratação de técnicos, engenheiros ou arquitetos e dos materiais, já que cada cliente tem suas necessidades particulares.

“Além da redução de custos, os impactos na vida dos moradores vão desde a saúde, por meio da utilização de materiais com baixos índices de compostos orgânicos voláteis [poluentes atmosféricos nocivos à saúde] até a conscientização para a preservação dos recursos naturais que podem ser colocados em prática no dia a dia, como a coleta seletiva, o que garante sem sombra de dúvidas maior qualidade de vida a todos”.

Segurança

O conceito de condomínio inteligente, assim como as soluções tecnológicas em ascensão fez com que vários condomínios e associações implantassem maior segurança e uma gestão mais econômica.

“A implementação de sistemas de segurança foi impulsionada, inicialmente, pelo aumento dos índices de violência. Assim, os síndicos e moradores optavam pela adoção de melhores soluções como seguranças armados, porteiros e circuitos de câmeras, o que aumenta o controle no acesso de pessoas às dependências dos condomínios residenciais ou industriais, reduzindo o risco de furtos e roubos”.

Solange Machado frisa que é evidente que as pessoas procurem maior segurança e optarem por morar em condomínios talvez seja uma das principais justificativas. “A violência não é mais a única premissa para incorporar a tecnologia à rotina desses lugares. E isso deu-se muito pela facilidade e pela economia proporcionada pela transformação digital, que chegou aos sistemas tecnológicos de segurança e de gestão”.

A RE/MAX Cia de Imóveis tem como precaução implantar condomínios sustentáveis e inteligentes, além da certificação Greenbuildings [selo verde], ou seja, condomínios que mantém-se preservando o meio ambiente com toda infraestrutura de tecnologia.

Em Mogi Guaçu, temos o Condomínio Nenê Rocha, localizado na Chácara do Ouro, área nobre, ficando apenas a 6 minutos do centro da cidade. O empreendimento possui 4 unidades, com apartamentos de até 86 m², 3 dormitórios, sistema elétrico fotovoltaico, preparação de climatização e foi todo projeto para garantir a satisfação dos moradores.

 

Fotos: Lucas Góis
lucasgois.com.br

Tags
Mostrar mais

Flávio Ribeiro

Graduado em Comunicação Social - Jornalismo pela Pucc - Campinas. Editor-Chefe e Repórter da Revista O Pólo - Agência ODBO, é o responsável pela checagem e produção das reportagens e artigos e, também, da edição final da revista. Exerceu a função de Assessor de Imprensa de Gestão Pública e trabalhou em meios de comunicação como o Jornal Gazeta Guaçuana, Jornal Cidade e estagiou na EPTV Campinas.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Verifique também

Close
Close