Terça-feira , 19 Setembro 2017
Últimas Publicações
Home / Colunistas / Trago a pessoa amada em 3 dias

Trago a pessoa amada em 3 dias

Nada mais feliz do que estarmos juntos da pessoa amada. Quando encontramos a cara metade, todos os dias são feitos sonhos.

Mesmos com os encalços e alguns atritos que possam surgir num relacionamento com a pessoa amada, se o amor for verdadeiro esses obstáculos logo são deixados para trás e o amor se engrandece.

Contudo, em alguns casos específicos nem mesmo o amor de um com o outro é suficiente para que o amado corresponda a seu amor ou até mesmo seja correspondido pelo outro e nesse caso um dos dois vai embora, deixando quem fica em frangalhos.

Mas nem tudo é desespero e quando a relação chega a esse ponto, o amante que foi abandonado pode recorrer a uma infalível tática para que o amor volte ao seu aconchego recorrendo às astutas cartomantes.

E foi exatamente madame Joelma, famosa cartomante da cidade, especialista em trazer a pessoa amada em três dias que Dolores decidiu visitar para ter seu querido Joaquim de volta em seus braços.

– Dona Dolores trouxe a camisa do Joaquim para que eu faça o trabalho?

– Está aqui madame Joelma, mas a senhora garante que meu Joaquim vai voltar para mim em três dias?

– Tenha fé dona Dolores, a fé remove montanhas e com minha ajuda trará o seu amor de volta.

Dolores esperou os três dias que demoraram uma eternidade para passar, sua angustia cada vez mais aumentava, porém nada de Joaquim voltar.

– A senhora está brincando com minha cara! Sua charlatã! Meu Joaquim não voltou para casa em três dias.

– Calma dona Dolores, talvez foi falta de fé. Traga uma cueca do seu amado e lhe garanto que agora ele vai voltar em dois dias.

E assim foi feito. Dolores esperou Joaquim e ele nada de voltar.

– Bandida! Enganadora! Meu Joaquim não voltou!

– Calma dona Dolores, é preciso mais fé.

– Fé é o escambau. Eu posso até dar o endereço onde meu Joaquim está que a senhora não consegue trazê-lo de volta.

A cartomante desesperada em resolver o caso e não perder sua credibilidade pede o endereço para pessoalmente convencer Joaquim a voltar para Dolores.

– Me dê o endereço que trago seu Joaquim de volta.

– Cemitério da Saudade. Quadra B. Jazigo trinta e dois.

Sobre Rodrigo Alves de Carvalho

Rodrigo Alves de Carvalho nasceu em Jacutinga (MG). Jornalista, escritor e poeta possui diversos prêmios literários em vários estados e participação em importantes coletâneas de poesia, contos e crônicas. Escreveu para jornais de Jacutinga, Itapira, SP; Mogi Mirim, SP; Pouso Alegre, MG; Ouro Fino, MG; Espirito Santo do Pinhal, SP; Campinas, SP e Belo Horizonte, MG.

Confira Também

site01

Qualidade de vida: todo mundo quer, mas o que é?

A O Pólo progrediu com o compromisso de fomentar opiniões que transformem as atitudes de ...

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *